terça-feira, 30 de setembro de 2008

Os Beatles são de Liverpool, mas pareceu-me ver os quatro hoje em Londres

O FC Porto perdeu hoje frente ao Arsenal por 4-0. Eu repito. Quatro bolas a zero. É isso mesmo.

O jogo passou na estação pública e é uma bofetada de luva branca para aqueles que diziam que a RTP não conseguia substituir os Gato Fedorento. Humor do bom… A transmissão do jogo fez com que o Telejornal tivesse início mais cedo e continuasse depois da partida. Aliás, os mais distraídos acredito que nem notaram. Depois da crise dos EUA, a crise do FC Porto até encaixou bem.

O futebol substituiu o concurso “Jogo Duplo”, nome baseado na vida de Pinto da Costa. Neste jogo, nunca ninguém diz a verdade, ou melhor, por defeito, todos esperam o engano da parte dos outros concorrentes. Mesmo quando um diz a verdade é com a intenção de enganar, esperando que os outros tomem a verdade por um engano. Dizer a verdade só prejudica cada um dos concorrentes. Todos mentem e fazem bluff. Neste campo, Jesualdo Ferreira esteve perfeito, dizendo antes do jogo que tinha hipóteses de vencer. Parabéns professor! Resta agora ao Porto carregar no botão para desistir e conhecer a Ana Galvão. Sortudos!

Um dos melhores em campo foi Adebayor, oriundo do Togo, um dos países mais pobres do mundo. Se, por um lado, Adebayor alegrou as bancadas, por outro, desrespeitou os seus compatriotas porque encheu a barriga de golos. E sabemos que no Togo não se costuma encher a barriga… Uma palavra de apreço para o FC Porto, que mostrou ser uma equipa muito solidária para com os mais desfavorecidos.

Agora falando a sério, e em jeito de conclusão, posso dizer que o FC Porto teve a sorte do jogo. Para não ter levado mais uns quatro ou cinco é preciso felicidade.

Imagem: DR

1 comentário:

Peixoto disse...

brilhante. até que enfim o cebola pôs os tripeiros a chorar!